Arrendamento de 3 frigoríficos por JBS será analisado por tribunal do Cade

quarta-feira, 14 de maio de 2014 11:31 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - A Superintendência do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) decidiu remeter ao tribunal do órgão antitruste a decisão sobre o processo de arrendamento de três frigoríficos da Rodopa e da Forte Empreendimentos pela empresa de alimentos JBS.

A decisão consta de um despacho publicado no Diário Oficial da União nesta quarta-feira.

Em geral, a superintendência do Cade remete ao tribunal decisões mais complexas, que demandam análise aprofundada.

As unidades que a JBS pretende arrendar ficam nos municípios de Santa Fé do Sul (SP), Cassilândia (MS) e Cachoeira Alta (GO).

A avaliação da superintendência do Cade é de que a Rodopa é uma dos principais concorrentes nos mercados de abate e venda de carne in natura bovina no Brasil.

"O parecer destaca que a operação poderia representar a absorção de um concorrente relevante em um mercado formado majoritariamente por pequenos frigoríficos, com poucas empresas capazes de se posicionarem como rivais efetivos", disse a superintendência do Cade, por meio de nota.

Já a JBS, segundo avaliação da superintendência do Cade, é líder absoluta do segmento, e possui vantagens significativas sobre seus rivais, em termos de poder de compra, escala, número e dispersão da produção, integração de atividades, exportação, acesso a crédito e investimentos em marketing.

Caberá ao tribunal do Cade a aprovação, reprovação ou adoção de eventuais medidas que afastem problemas concorrenciais.

O prazo para o Cade oferecer uma decisão final sobre o processo pode se desenrolar até novembro desde ano.

(Por Gustavo Bonato)