Regulador antissuborno da China visita Roche em meio a repressão no setor

quinta-feira, 22 de maio de 2014 11:15 BRT
 

XANGAI/ZURIQUE (Reuters) - A fabricante suíça de medicamentos Roche disse que recebeu uma visita de uma unidade do regulador antitruste da China, parte de uma repressão crescente contra corrupção e altos preços no setor farmacêutico do país.

O motivo da visita não estava imediatamente claro.

A Roche disse que seus escritórios em Hangzhou foram visitados por uma unidade da Administração de Indústria e Comércio do Estado. O regulador normalmente assume a liderança em casos de suborno e corrupção.

"Entendemos que uma unidade do governo local em Hangzhou visitou os escritórios da Roche em 21 de maio, mas os detalhes específicos ainda não estão claros. Vamos cooperar completamente com o trabalho do departamento relevante do governo", disse a Roche em um comunicado via e-mail à Reuters nesta quinta-feira.

Uma porta-voz do escritório local do regulador disse à Reuters que a visita foi feita para uma série de questões, mas não quis elaborar. Ela disse que o departamento ainda precisa chegar a uma conclusão sobre a questão.

A corrupção é predominante no setor de saúde da China, impulsionada por metas altas para vendedores e baixos salários para médicos. Advogados estimam que cerca da metade de todas as empresas farmacêuticas na China estão sendo investigadas de algum modo.

(Por Adam Jourdan e Caroline Copley)