Preço do petróleo deve cair no segundo semestre de 2014

sexta-feira, 30 de maio de 2014 09:35 BRT
 

(Reuters) - Os preços futuros do petróleo devem ter forte queda na segunda metade deste ano por ampla oferta e demanda moderada compensando as preocupações com riscos políticos, apontou pesquisa desta sexta-feira da Reuters com analistas.

O petróleo Brent deve ficar 105,90 dólares o barril em média em 2014, apontou pesquisa mensal da Reuters com projeções de 28 analistas, abaixo da média de 108,9 dólares vista até o momento neste ano.

O contrato de referência deve continuar recuando nos próximos dois anos, ficando na média de 102,50 dólares por barril em 2015 e 100,50 dólares em 2016, de acordo com a pesquisa. O Brent ficou na média de 108,70 dólares em 2013.

Analistas estimam que o petróleo dos EUA, também conhecido como West Texas Intermediate (WTI), deve ficar em 98,70 dólares em média em 2014, ligeiramente abaixo da média de 98,05 dólares de 2013. O WTI teve média de 99,93 dólares até o momento este ano.

"O Brent deve ficar mais moderado com o Iraque, Irã e Líbia elevando a produção, enquanto o WTI será contido por uma robusta oferta dos EUA", disse a analista do National Australia Bank, Vyanne Lai.

Analistas esperam que o crescimento da demanda seja menor que o da oferta, já que a economia global se recupera a passo moderado.

A demanda por petróleo será afetada pelo aumento da eficiência energética, substituição por gás natural e fim dos subsídios em alguns países em desenvolvimento, disse Rahul Prithiani, diretor da CRISIL Research.

(Reportagem adicional de Koustav Samanta em Bangalore)