Venezuela vai liberar US$2,1 bi em divisas para companhias

sexta-feira, 30 de maio de 2014 18:46 BRT
 

CARACAS (Reuters) - A Venezuela vai começar a liberar 2,1 bilhões de dólares em divisas para as empresas que têm se esforçado para obter dólares através de controles cambiais, disse a principal autoridade da economia do país na sexta-feira.

Cerca de 1,2 bilhão de dólares irá para pequenos e médios negócios dos setores de alimentos, saúde, produtos químicos e indústria pesada, disse o vice-presidente da área econômica, Rafael Ramirez, a repórteres.

Ramirez disse que os 930 milhões de dólares restantes serão desembolsados para empresas maiores, incluindo 486 milhões de dólares para as companhias aéreas.

Atrasos nos controles cambiais da Venezuela deixaram muitas empresas incapazes de importar máquinas ou matérias-primas, enquanto as empresas estrangeiras, como as aéreas, têm sido incapazes de repatriar receitas de operações na Venezuela.

A associação da indústria aérea local da Venezuela disse na quinta-feira que 24 companhias aéreas internacionais têm um valor estimado de 4,2 bilhões de dólares presos no país devido a controles cambiais.

O ministro das Finanças, no início desta semana, disse que a Venezuela fez desembolsos pendentes de moeda para seis companhias aéreas, sem detalhar os valores.

(Reportagem de Girish Gupta)