Deutsche Bank diz que processo da Óleo e Gás contra o banco 'não tem mérito'

domingo, 1 de junho de 2014 13:53 BRT
 

FRANKFURT (Reuters) - O Deutsche Bank disse que um processo impetrado contra o banco em uma corte do Estado de Nova York por detentores minoritários de bônus da petroleira Óleo e Gás não tem mérito.

Os credores entraram com um processo na sexta-feira contra o Deutsche Bank, que é agende fiduciário de 3,6 bilhões de dólares em bônus não pagos pela companhia que entrou em recuperação judicial em outubro do ano passado.

"Esta é uma disputa entre dois grupos de detentores de bônus que está pendente perante os tribunais brasileiros", disse o Deutsche Bank em comunicado. "Acreditamos que esse processo não tenha mérito, e o Deutsche Bank pretende se defender de forma vigorosa."

Os bônus foram emitidos pela subsidiária austríaca da Óleo e Gás, ex-OGX.

Os pleiteantes alegam que o Deutsche Bank e suas afiliadas realizaram ou irão realizar distribuições desproporcionais a detentores de bônus majoritários, de acordo com comunicado do escritório de advocacia Brown Rudnick LLP.

O banco disse, no entanto, que "cumpriu todos os seus deveres, incluindo manter os credores informados sobre todas as mudanças e atualizações em seus bônus".

Os credores pleiteantes incluem os fundos internacionais Capital Ventures International, GLG Partners LP, Brennus Asset Management e VR Global Partners L.P.

(Por Thomas Atkins)

((Tradução Redação Rio de Janeiro, 55 21 2223-7155))

REUTERS LB