CEO da Air France-KLM nega cortes de custos de 1 bilhão de euros

segunda-feira, 2 de junho de 2014 11:50 BRT
 

DOHA (Reuters) - O presidente-executivo da Air France-KLM (AIRF.PA: Cotações) negou, nesta segunda-feira, uma matéria publicada no jornal holandês De Telegraaf que dizia que a companhia planeja 1 bilhão de euros (1,36 bilhão de dólares) em cortes de custos.

"Estes planos não existem", disse Alexandre de Juniac em um evento de aviação da Associação Internacional de Transporte Aéreo (Iata, na sigla em inglês) em Doha.

(Por Amena Bakr)