Preço de imóveis no Brasil desacelera pelo 6o mês seguido, diz FipeZap

quarta-feira, 4 de junho de 2014 07:20 BRT
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O preço do metro quadrado de imóveis novos e usados anunciados em 16 cidades brasileiras desacelerou pelo sexto mês consecutivo, de acordo com o índice FipeZap Ampliado, divulgado nesta quarta-feira.

Segundo levantamento, o valor do metro quadro cresceu 11,7 por cento em maio em relação ao mesmo período do ano passado. Porém, em abril, o índice teve alta de 12,2 por cento na mesma comparação.

No ano até maio, o indicador acumula alta de 2,98 por cento ante expansão de 4,9 por cento ocorrida no mesmo período do ano passado.

No mês passado, as cidades com maiores altas nos preços foram Fortaleza (+5,2 por cento) e Rio de Janeiro (+4,74 por cento), enquanto Porto Alegre (-1,33 por cento) e Brasília (-0,42 por cento) apresentaram as maiores quedas.

O valor médio do metro quadrado mais caro no universo do levantamento em maio foi em 10.609 reais (Rio de Janeiro) e o mais barato foi de 3.942 (Vila Velha, ES). São Paulo registrou 8.060 reais, segundo a pesquisa. Já a média das 16 cidades avaliadas foi de 7.494 reais.

(Por Juliana Schincariol)