Pilgrim's alinha com bancos apoio para oferta pela Hillshire, dizem fontes

quinta-feira, 5 de junho de 2014 17:49 BRT
 

Por Olivia Oran e Mariana Santibanez

(Reuters) - A processadora de carne de frango dos Estados Unidos Pilgrim's Pride, controlada pela brasileira JBS, alinhou uma série de bancos para financiar a oferta pela Hillshire Brands, após ter elevado sua proposta pela fabricante de salsichas Jimmy Dean em disputa com a rival Tyson Foods, de acordo com pessoas familiarizadas com o assunto.

A Pilgrim's tem trabalhado com instituições financeiras como Barclays, Bank of Montreal, Rabobank e Wells Fargo para financiar sua potencial oferta, disseram as fontes.

A Pilgrim's e os bancos se recusaram a comentar o assunto.

As pessoas que falaram sobre o financiamento não quiseram ser identificadas porque o assunto é privado.

A Pilgrim's informou no início desta semana que elevou sua oferta pela Hillshire de 45 para 55 dólares por ação, avaliando a empresa em 7,7 bilhões de dólares, incluindo dívidas.

A Tyson fez uma oferta de 50 dólares por ação, projetando um valor pela Hillshire de 6,8 bilhões de dólares, incluindo 500 milhões de dólares em dívidas.

As ofertas ocorrem depois de a Hillshire informar no mês passado que planejava comprar a Pinnacle Foods, fabricante de vegetais congelados Birds Eye, em um negócio avaliado em 4,3 bilhões de dólares, excluindo a dívida.

As propostas de Pilgrim's e Tyson exigem que a Hillshire encerre negociações com a Pinnacle.

A Hillshire disse na terça-feira que forneceria informações e realizaria negociações com as duas empresas.