Vendas da McDonald's em restaurantes sobem em maio, mas fraquejam nos EUA

segunda-feira, 9 de junho de 2014 12:15 BRT
 

(Reuters) - O McDonald's divulgou nesta segunda-feira um pequeno aumento nas vendas globais de seus restaurantes em maio, após uma recuperação na China ajudar a compensar outro mês de resultados decepcionantes no mercado doméstico da rede de restaurantes de fast-food, os Estados Unidos.

As vendas do McDonald's nos EUA em restaurantes abertos há pelo menos 13 meses caíram 1 por cento em maio, no sétimo mês seguido de queda, conforme enfrenta dura competição de rivais, como Wendy's e Burger King, erros internos que desaceleraram o serviço e protestos de seus funcionários que ganham salário mínimo, que prejudicaram sua imagem.

Analistas consultados pela Consensus Metrix previam que as vendas em restaurantes estabelecidos de maio subissem 0,1 por cento no EUA, que responderam por 31 por cento da receita do McDonald's em 2013. A companhia não detalha os totais de receita anual para a China.

A maior rede de restaurantes do mundo em receita disse que as vendas mundiais em restaurantes abertos há pelo menos 13 meses cresceram 0,9 por cento no mês passado, ligeiramente melhor que o ganho de 0,8 por cento que analistas esperavam.

As vendas em restaurantes estabelecidos cresceram 2,5 por cento na região da Ásia-Pacífico, Oriente Médio e África (Apmea, na sigla em inglês), que inclui a China. O resultado facilmente superou a estimativa média de analistas de ganho de 0,7 por cento. Em maio de 2013, um surto de gripe aviária na China pressionou os resultados da região.

(Por Siddharth Cavale e Lisa Baertlein)