Dólar sobe 0,26% ante real com cautela e interrompe 4 pregões de queda

quarta-feira, 11 de junho de 2014 17:11 BRT
 

Por Tiago Pariz

SÃO PAULO (Reuters) - O dólar subiu nesta quarta-feira ante o real, interrompendo quatro pregões seguidos de queda, diante da cautela de investidores antes do feriado local em São Paulo pela abertura da Copa do Mundo e em um ambiente de intensa intervenção do Banco Central.

O volume financeiro do pregão, assim como na véspera, foi bastante baixo, o que ajudou a manter a moeda norte-americana presa à banda informal de 2,20 a 2,25 reais.

A divisa teve alta de 0,26 por cento, a 2,2340 reais na venda. Segundo dados da BM&F, o giro financeiro ficou em cerca de 900 milhões de reais.

"O volume (de negócios) foi fraco, já entrando no ritmo de Copa. O que prevaleceu foi uma busca maior por proteção porque amanhã não vai ter leilão de swaps", afirmou o operador de câmbio da corretora Intercam, Glauber Romano, explicando que a compra de dólares foi concentrada na segunda metade do pregão.

O BC não vai realizar leilões de swaps nas ofertas de ração diária e da rolagem por conta do feriado em São Paulo na abertura da Copa do Mundo. Pelo feriado, não haverá pregão na BM&FBovespa.

Como o feriado é local, haverá mercado de câmbio com abertura normalmente às 9h, mas o fechamento antecipado às 13h.

No leilão diário deste pregão, o BC vendeu novamente a oferta integral de até 4 mil swaps: foram 500 com vencimento em 1º de dezembro deste ano e 3,5 mil para 2 de fevereiro do próximo, com volume financeiro equivalente a 198,8 milhões de dólares.

Em seguida, vendeu a oferta total de até 10 mil swaps para rolagem dos contratos que vencem em junho. Ao todo, já rolou cerca de 37 por cento do lote total, que corresponde a 10,060 bilhões de dólares.   Continuação...