Wall St fecha em leva alta por notícias corporativas

segunda-feira, 16 de junho de 2014 18:29 BRT
 

NOVA YORK (Reuters) - As ações dos Estados Unidos fecharam em leve alta nesta segunda-feira, amparadas por uma série de notícias sobre fusões, mas a crise no Iraque elevou os preços do petróleo e manteve o pregão volátil.

O índice Dow Jones teve variação positiva de 0,03 por cento, para 16.781 pontos. O índice Standard & Poor's 500 avançou 0,08 por cento, para 1.937 pontos. O termômetro de tecnologia Nasdaq subiu 0,24 por cento, para 4.321 pontos.

As ações de energia foram as que mais ganharam no dia, com o índice de energia do S&P em alta de 0,5 por cento. O

índice do setor financeiro do S&P teve a maior queda, de 0,4 por cento.

Os Estados Unidos avaliam realizar ataques aéreos para ajudar o governo do Iraque a conter um levante islâmico, e debater o tema com o Irã, disse o secretário de Estado dos EUA, John Kerry.

"Neste ponto, o Iraque é uma desculpa para os investidores venderem. Mas quando ocorreram as vendas, muitos compradores entraram quase que imediatamente, o que causou volatilidade", afirmou o economista-chefe para mercados da Rockwell Global Capital. "Isso é mais uma evidência de que o mercado não vai despencar com temas geopolíticos."

No front de fusões e aquisições, a fabricante de aparelhos médicos Medtronic Inc concordou em comprar a irlandesa Covidien Plc por 42,9 bilhões de dólares e mudar seu escritório executivo para a Irlanda, na mais recente ação de empresas norte-americanas para aproveitar impostos mais baixas no exterior.

(Reportagem de Angela Moon)