Ryanair avalia privatização de aeroportos na Espanha

terça-feira, 17 de junho de 2014 16:54 BRT
 

MADRI (Reuters) - A empresa aérea de baixo custo Ryanair tem interesse em participar da privatização da operadora de aeroportos espanhola Aena, da qual o governo quer vender uma fatia minoritária, disse o chefe de marketing Peter Bellew nesta terça-feira.

"Nós achamos que eles deveriam vender 100 por cento da Aena, mas nós estamos interessados no processo todo", disse Bellew à Reuters, reiterando comentários anteriores a jornalistas espanhóis antes de uma apresentação em Madri.

A Ryanair é uma das maiores clientes da Aena, junto com IAG, a controladora da British Airways e das espanholas Iberia e Vueling.

O governo espanhol disse na semana passada que quer vender até 49 por cento da altamente endividada Aena, maior operadora de aeroportos do mundo avaliada em cerca de 16 bilhões de euros.

O plano é vender 28 por cento da Aena numa oferta de ações e leiloar outros 21 por cento para investidores de longo prazo.

"Nós atendemos essas condições. Nós temos dinheiro e nós somos investidores de longo prazo", disse Bellew.

(Por Robert Hetz)