Inadimplência das empresas no Brasil salta 10,5% em maio, diz Serasa

sexta-feira, 27 de junho de 2014 09:10 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - A inadimplência das empresas brasileiras cresceu 10,5 por cento em maio ante mesmo mês do ano passado, informou a Serasa Experian nesta terça-feira.

Maio foi o nono mês consecutivo de alta na comparação anual, de acordo com dados da Serasa Experian.

Sobre abril, o índice avançou 5,3 por cento. As dívidas não bancárias e a inadimplência com os bancos tiveram variação positiva de 1,7 por cento e 2,8 por cento respectivamente, sobre abril.

Os títulos protestados dispararam 12,5 por cento, e os cheques sem fundo tiveram alta de 6,1 por cento.

Segundo economistas da Serasa, a inadimplência das empresas vem crescendo ao longo de 2014 devido ao impacto do enfraquecimento do ritmo da economia, "da elevação dos salários acima da produtividade na maioria dos setores, e da sequência de elevações das taxas de juros como forma de controle inflacionário, aumentando o custo do capital de giro".

(Por Renan Fagalde)