Vendas pendentes de moradias nos EUA atingem máxima de 8 meses em maio

segunda-feira, 30 de junho de 2014 11:19 BRT
 

WASHINGTON (Reuters) - O número de contratos para comprar moradias usadas nos Estados Unidos atingiu máxima de oito meses em maio, o mais recente indício de que o setor imobiliário está saindo de um recente período de fraqueza.

A Associação Nacional de Corretores informou nesta segunda-feira que seu Índice de Vendas Pendentes de Moradias, com base em contratos assinados no mês passado, subiu 6,1 por cento, para 103,9, o maior nível desde setembro do ano passado.

Economistas esperavam um avanço de 1,5 por cento.

(Por Moriah Costa)