Índices dos EUA S&P 500 e Nasdaq cravam 6o trimestre consecutivo de ganhos

segunda-feira, 30 de junho de 2014 18:41 BRT
 

NOVA YORK (Reuters) - Os índices Standard & Poor's 500 e Nasdaq tiveram seu sexto trimestre consecutivo de ganhos nesta segunda-feira, série mais longa em mais de 14 anos.

Mas os três principais índices acionários dos Estados Unidos fecharam praticamente estáveis no dia, após uma série de dados econômicos mistos.

O índice Dow Jones recuou 0,15 por cento, para 16.826 pontos. O índice Standard & Poor's 500 teve desvalorização de 0,04 por cento, para 1.960 pontos. O termômetro de tecnologia subiu 0,23 por cento, para 4.408 pontos.

No segundo trimestre, o Dow ganhou 2,2 por cento, o S&P 500 subiu 4,7 por cento e o Nasdaq avançou 5 por cento. No primeiro semestre do ano, o Dow subiu 1,5 por cento, enquanto o S&P 500 subiu 6,1 por cento e o Nasdaq ganhou 5,5 por cento.

Após a alta de 30 por cento do S&P 500 no ano passado, muitos investidores esperavam que o movimento ascendente fosse interrompido.

Mas o Nasdaq tem agora sua maior sequência de ganhos trimestrais desde 2000. Para o S&P 500, esta é a melhor série de ganhos trimestrais desde 1998. O Dow também marcou seu quinto trimestre positivo dos últimos seis.

"Estamos sobrecarregados no curto prazo, e eu vejo um pouco de correção à frente, mas as quedas são vistas como oportunidades para colocar o dinheiro para trabalhar", disse o diretor de trading e derivativos no Centro Schwab de Pesquisa Financeira, Randy Frederick. "Acho que o terceiro trimestre do ano será muito parecido com o que acabamos de ver."

O S&P 500 registrou 22 recordes até agora no ano, o que tem aumentado preocupações entre os investidores de que o mercado possa ter uma retração técnica. No entanto, o índice de volatilidade CBOE, medidor dos temores de Wall Street, manteve-se em mínimas em vários anos.

Uma pesquisa recente da Reuters mostrou que os participantes do mercado esperam que o índice S&P 500 atinja 2.000 pela primeira vez antes do ano terminar. Esse marco marcaria um ganho de cerca de 8,2 por cento ante o fim de 2013.

(Reportagem de Angela Moon)