Vendas no varejo na zona do euro ficam estagnadas em maio

quinta-feira, 3 de julho de 2014 08:31 BRT
 

BRUXELAS (Reuters) - As vendas no varejo na zona do euro ficaram estagnadas em maio uma vez que os europeus evitaram gastar com alimentos, enquanto os números de abril foram revisados para baixo, um sinal de que o alto desemprego continua a afetar os planos de compras das famílias.

As vendas nos 18 países que usam o euro não mostraram crescimento em maio na comparação com abril, informou a agência de estatísticas da UE, Eurostat, nesta quinta-feira, enquanto economistas consultados pela Reuters esperavam ligeiro aumento de 0,2 por cento.

Os gastos com alimentos, bebidas e tabaco caíram, compensados por um ligeiro aumento nas despesas com roupas, equipamentos elétricos e de computadores.

A leitura de abril, anteriormente positiva, foi revisada pela Eurostat para mostrar queda de 0,2 por cento.

(Reportagem de Robin Emmott)