Aneel aprova aumento médio de 18,66% para Eletropaulo a partir de 6a-feira

quinta-feira, 3 de julho de 2014 12:38 BRT
 

Por Leonardo Goy

BRASÍLIA, 3 Jul (Reuters) - As tarifas dos consumidores da distribuidora de energia paulista Eletropaulo subirão 18,66 por cento em média a partir da sexta-feira, definiu a diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), nesta quinta-feira.

O aumento poderia ser ainda maior, mas foi reduzido em 3,3 pontos percentuais porque a agência decidiu aplicar, neste ano, metade da devolução de 626 milhões de reais devidos pela empresa aos consumidores.

Na terça-feira, a Aneel negou recurso da Eletropaulo e manteve decisão sobre a devolução dos valores, decorrentes da incorporação, incorreta na visão da Aneel, de cerca de 246 mil metros de cabos entre os ativos da empresa.

A devolução ocorrerá em até quatro anos. Inicialmente, a expectativa era que a Aneel aplicasse, no reajuste de 2014, apenas 25 por cento da devolução, mas, segundo o diretor-geral da agência, Romeu Rufino, optou-se pela metade agora devido ao tamanho do reajuste deste ano.

Segundo Rufino, o preço da energia foi um dos fatores que contribuiu para a alta nas tarifas da empresa.

Na decisão desta quinta-feira, a Aneel definiu aumento médio de 19,93 por cento para os clientes em alta tensão da Eletropaulo (indústrias) e de 18,06 por cento para a baixa tensão (residências e pequenos comércios).

PEDIDO DA EMPRESA   Continuação...