Indústria brasileira de perfumes e cosméticos deve crescer 11,8% em 2014

quinta-feira, 10 de julho de 2014 18:38 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - A indústria brasileira de higiene pessoal, perfumaria e cosméticos deve crescer 11,8 por cento em 2014 sobre o ano passado, atingindo um faturamento de 42,6 bilhões de reais, divulgou a Abihpec, associação do setor, nesta quinta-feira.

Segundo a associação, os investimentos devem avançar 5,2 por cento na mesma base de comparação, a 14,1 bilhões de reais, sendo 9 bilhões em marca, 3,5 bilhões em ativos e 1,6 bilhão em pesquisa e desenvolvimento.

"A indústria continua otimista, forte, e investindo no aumento da capacidade produtiva, inovação e pesquisa", disse o presidente da Abihpec, João Carlos Basilio, em nota.

A entidade prevê que a indústria de higiene pessoal, perfumaria e cosméticos passará a responder por 2 por cento do PIB até 2016, ante 1,8 por cento atualmente.

(Por Marcela Ayres)