Preço de energia de curto prazo sobe para perto de R$700 por MWh

sexta-feira, 11 de julho de 2014 17:00 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - O preço de energia de curto prazo dado pelo Preço de Liquidação de Diferenças (PLD) subiu para perto dos 700 reais por megawatt-hora (MWh) em todas as regiões do país, enquanto as previsões de chuva para julho foram reduzidas em previsões do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS).

Na carga pesada do Sudeste/Centro Oeste, Nordeste e Norte, o PLD subiu de 564,61 reais, nesta semana, para 683,52 reais na semana que vem. No Sul, o PLD da carga pesada passou de 551,09 reais nesta semana para 674,33 reais entre 12 e 18 de julho. As informações são da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (PLD), nesta sexta-feira. O cenário previsto para julho continua sendo que o Sul receberá chuvas nos reservatórios de suas hidrelétricas em volumes bem acima da média histórica, e o Sudeste/Centro Oeste, Norte e Nordeste abaixo da média. Entretanto, houve uma redução nos volumes de chuvas inicialmente previstos em todas as regiões.

Para a semana de 12 a 18 de julho, em particular, a previsão é de que a passagem de uma frente fria pela região Sul no fim da semana ocasione chuva fraca isolada nas bacias dos rios Jacuí, Uruguai e Iguaçu, informou o ONS no Sumário Executivo do Programa Mensal de Operação.

O ONS estima que a geração térmica na semana que vem seja de 16,6 gigawatts (GW) médios, acima dos 15,9 GW médios previstos para esta semana. Já a previsão de aumento de consumo de carga de energia em julho teve leve alteração para baixo em relação à semana passada, de alta de 1,3 por cento para avanço de 1,2 por cento em julho ante mesmo mês do ano passado.

(Por Anna Flávia Rochas)