Produção de minério de ferro da Vale cresceu 6% no 2º tri, diz Citi

terça-feira, 15 de julho de 2014 17:25 BRT
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A Vale deve registrar uma produção de 78 milhões de toneladas de minério de ferro no segundo trimestre deste ano, com alta de 6 por cento frente o mesmo trimestre de 2013 e também em relação aos três primeiros meses deste ano, segundo relatório do Citi Research.

A mineradora brasileira, maior produtora mundial de minério de ferro e a segunda maior produtora de níquel, vai anunciar seu relatório de produção do segundo trimestre em 24 de julho e seu relatório de desempenho financeiro em 31 de julho.

O relatório do Citi, elaborado pelos analistas Alexander Hacking e Thiago Ojea, também prevê que as vendas de minério de ferro e pelotas somaram 77 milhões de toneladas no segundo trimestre, alta de 6 por cento frente o mesmo trimestre do ano passado e de 13 por cento em relação ao trimestre anterior.

As vendas do ano passado, segundo o Citi Research, foram relativamente mais baixas devido a chuvas mais pesadas que o habitual. Mas, independente do fator sazonal, a instituição destacou que as vendas representam "forte desempenho".

Para o Citi Research, os pontos que devem ter mais destaque na divulgação dos resultados serão os menores preços de minério de ferro, parcialmente compensados por maiores volumes e preços mais elevados de níquel.

No relatório, a instituição ressaltou que investidores estão focados em calcular a sensibilidade do minério de ferro a preços mais baixos e também no comportamento do fluxo de caixa.

A previsão do Citi é que o preço do minério de ferro no segundo trimestre tenha ficado em 79 dólares por tonelada, 12 dólares por tonelada abaixo do primeiro trimestre do ano.

(Por Marta Nogueira)