Índices nos EUA avançam e Dow Jones tem nova máxima de fechamento

quarta-feira, 16 de julho de 2014 18:09 BRT
 

NOVA YORK (Reuters) - As bolsas de valores dos Estados Unidos subiram nesta quarta-feira, com o índice Dow Jones batendo nova máxima de fechamento, impulsionado por notícias de fusões e alguns fortes resultados trimestrais de empresas.

O índice Dow Jones subiu 0,45 por cento, para 17.138 pontos. O S&P 500 ganhou 0,42 por cento, a 1.981 pontos. O Nasdaq avançou 0,22 por cento, para 4.425 pontos.

O recorde anterior do Dow Jones havia sido registrado em 3 de julho. Mais cedo nesta quarta-feira, o Dow apurou patamar recorde no meio dos negócios de 17.139 pontos.

As ações da Time Warner subiram 17 por cento e foram a de melhor performance depois que a Twenty-First Century Fox confirmou que fez oferta de 80 bilhões de dólares para compra da compahia. As ações da Fox recuaram 6,2 por cento.

Um índice de semicondutores subiu 1,1 por cento, atingindo maior nível intradia desde agosto de 2001, a 652,28 pontos. O indicador foi impulsionado por ganhos da Intel, que disparou 9,3 por cento. A maior fabricante de semicondutores do mundo divulgou resultado de segundo trimestre acima das expectativas do mercado.

"Apesar dos resultados até agora não terem sido estelares, eles certamente têm se mostrado bons, com apenas algumas decepções", disse Rick Meckler, presidente da LibertyView Capital.

"O mercado evitou avançar mais por um tempo, mas os resultados no geral positivos e a atividade de fusões e aquisições estão dando maior confiança aos investidores", acrescentou.

Segundo dados da Thomson Reuters, os lucros das companhias listadas no S&P 500 devem mostrar alta de 4,8 por cento no segundo trimestre, uma queda ante expectativas de abril, de expansão de 8,4 por cento.

A ação do Bank of America caiu 1,9 por cento. O segundo maior banco dos Estados Unidos em ativos divulgou recuo de 43 por cento no lucro do segundo trimestre, pressionado por maiores custos judiciais e menor receita com hipotecas.

(Por Angela Moon)