July 17, 2014 / 11:35 PM / 3 years ago

Lançamentos da Gafisa sobem 66% no 2o tri, a R$413,8 mi

3 Min, DE LEITURA

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A Gafisa informou nesta quinta-feira que os lançamentos consolidados de imóveis no segundo trimestre cresceram 66 por cento sobre o mesmo período do ano passado, para 413,8 milhões de reais.

O resultado mostrou forte expansão anual do segmento popular Tenda, que elevou os lançamentos em três vezes, para 99 milhões de reais, enquanto o segmento Gafisa (médio e alto padrões) teve alta de 45,8 por cento nos novos empreendimentos, a 314,7 milhões.

Na comparação trimestral, no entanto, houve queda de 22,7 por cento nos lançamentos consolidados do grupo, com baixas de 11 por cento no segmento Gafisa e de 45,4 por cento no Tenda.

Mais cedo, a construtora MRV divulgou números nas mesmas direções, com alta anual nos lançamentos (65 por cento) e recuo na comparação com o primeiro trimestre (10 por cento).

Segundo a Gafisa, no primeiro semestre os lançamentos somaram 949,2 milhões de reais, representando 41,3 por cento do ponto médio da projeção de lançamentos para 2014, de 2,1 bilhões a 2,5 bilhões de reais.

As vendas consolidadas somaram 433 milhões de reais entre abril e junho, alta anual de 12 por cento. Deste total, 37 por cento foram de novos empreendimentos, enquanto os estoques foram responsáveis por 63 por cento do total comercializado, sendo 135 milhões da Gafisa e 139,4 milhões da Tenda.

Em relação ao primeiro trimestre, as vendas do grupo saltaram 81 por cento.

No trimestre, as vendas do segmento Gafisa foram de 251,3 milhões de reais, crescimento de 16 por cento ano a ano. Na Tenda, o total de vendas chegou a 51,8 milhões, alta de 7 por cento.

Cancelamentos

Em relação ao cancelamento de vendas, o segmento Gafisa teve 119,9 milhões de reais distratados ante 80,4 milhões no primeiro trimestre. Sobre um ano antes, os cancelamentos caíram cerca de 13 por cento.

"Das 469 unidades do segmento Gafisa que foram distratadas e retornaram ao estoque ao longo desse primeiro semestre, 48 por cento já foram revendidas no mesmo período", disse a empresa.

Na Tenda, o volume cancelado entre abril e junho foi de 117,6 milhões de reais, uma redução de 25,5 por cento em relação ao volume verificado um ano antes e queda de 39 por cento sobre o primeiro trimestre de 2014.

Segundo a companhia, do volume total cancelado pela Tenda no trimestre, aproximadamente 78 por cento é relacionado a projetos antigos.

A companhia afirmou que das 2.090 unidades de Tenda que foram distratadas no primeiro semestre, 63 por cento já foram revendidas.

As vendas consolidadas sobre oferta (VSO) do grupo alcançaram 12,6 por cento no segundo trimestre, em linha com o ano anterior e superior ao resultado de 7,5 por cento no primeiro trimestre.

Por Juliana Schincariol

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below