Copersucar estima déficit global de açúcar de 3 mi t em 2014/15

sexta-feira, 18 de julho de 2014 09:46 BRT
 

LONDRES (Reuters) - A brasileira Copersucar, maior comercializadora de açúcar do mundo, disse nesta sexta-feira que espera um déficit global de 3 milhões de toneladas do produto na temporada 2014/15, parcialmente devido a uma menor produção no Brasil.

Para 2013/14, foi estimado um excedente global de 3 milhões de toneladas.

O presidente do Conselho de Administração da Copersucar, Luís Roberto Pogetti, disse à Reuters que espera que a mudança de um excedente para déficit ajude a elevar os preços no final do ano.

Ele falou no intervalo de uma conferência da consultoria Datagro realizada em Londres.

A Copersucar reduziu sua previsão para a produção de cana no centro-sul do Brasil para 565 milhões de toneladas, ante previsão anterior de 570 milhões e abaixo da safra passada, de 596 milhões de toneladas.

A seca no centro-sul do Brasil entre janeiro e fevereiro deverá reduzir a produtividade agrícola (tonelada de cana por hectare) na safra 2014/15.

"Nós mantemos nosso número em 565 milhões de toneladas (por ora), mas acredito que possa ser pior do que isso", disse Pogetti.

A Copersucar prevê a produção de açúcar no centro-sul do Brasil em 32 milhões de toneladas, queda ante as 34 milhões de toneladas do ano anterior.

"A colheita está indo muito rápido, já moemos um volume 10 por cento maior do que neste período do ano passado, mas nós esperamos terminar a safra mais cedo este ano", disse Pogetti.

"No ano passado a moagem foi até dezembro, nós acreditamos que até o final de novembro a safra estará encerrada."

(Por Sarah McFarlane)