Produção da Petrobras no Brasil sobe 1,7% em junho e atinge 2 mi bpd

sexta-feira, 18 de julho de 2014 20:00 BRT
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A Petrobras produziu média de 2,008 milhões de barris de petróleo por dia (bpd) no Brasil em junho, alta de 1,5 por cento em relação ao mesmo mês do ano passado e de 1,7 por cento ante maio, informou a estatal nesta sexta-feira.

A empresa não registrava média de produção mensal acima de 2 milhões de bpd desde dezembro de 2012, quando produziu 2,03 milhões de bpd. Apesar do aumento recente da produção do pré-sal, campos maduros da estatal declinaram.

A companhia tem metas ambiciosas para 2014, de elevar a produção de petróleo ao final do ano em 7,5 por cento ante 2013, à medida que novas áreas, especialmente do pré-sal, entram em operação. Mas no segundo trimestre a extração no país cresceu em média 2,1 por cento, segundo cálculos da Reuters com base em números da empresa, o que coloca desafios para a estatal.

Já a produção de gás da Petrobras, em junho, atingiu média diária de 66,4 milhões metros cúbicos, um recorde mensal, com avanço de 4,7 por cento em relação a junho de 2013 e alta de 1,5 por cento frente maio.

Somando a produção de petróleo e gás no Brasil, que responde por grande parte da extração da empresa, a Petrobras produziu 2,42 milhões de barris de óleo equivalente por dia, alta de 1,6 por cento em relação ao mês anterior.

"O crescimento da produção decorreu, principalmente, do aumento do volume produzido pela plataforma P-62, que começou a operar em maio no campo de Roncador (Bacia de Campos)", disse a companhia, que garantiu em nota que novos sistemas e outros que ainda entrarão em 2014 devem contribuir para o crescimento da produção conforme o previsto no Plano de Negócios 2014-2018.

Outra contribuição para a alta da produção em junho veio da entrada em operação, também em maio, de um novo poço ligado à plataforma P-48, no campo de Caratinga, no pré-sal da Bacia de Campos.

Além disso, a plataforma P-51, no campo de Marlim Sul, também em Campos, voltou a operar após parada programada paramanutenção. A empresa também iniciou Teste de Longa Duração (TLD) na área de Iara Oeste, na Bacia de Santos.

No pré-sal, a Petrobras informou que a produção média atingiu 477 mil bpd em junho, com alta de 6,7 por centro em relação a maio. Esse volume inclui a parte operada pela estatal para seus parceiros.   Continuação...