July 24, 2014 / 1:18 PM / in 3 years

Produção de minério de ferro da Vale cresce 12,6% no 2º tri

3 Min, DE LEITURA

Mina de minério de ferro da Vale na região de Carajás, no Pará. 29/5/2012.Lunae Parracho

SÃO PAULO/RIO DE JANEIRO (Reuters) - A Vale, maior produtora global de minério de ferro, elevou a produção da matéria-prima do aço em 12,6 por cento no segundo trimestre do ano, ante o mesmo período de 2013, para 79,448 milhões de toneladas, registrando o melhor resultado para os meses entre abril e junho de sua história.

Em relação à produção do primeiro trimestre, a alta foi de 11,8 por cento, informou a mineradora nesta quinta-feira, o que pode ajudar a empresa a lidar com preços mais fracos da commodity. Em junho, o minério caiu para uma mínima de 21 meses, segundo o Steel Index.

A Vale atribuiu o bom desempenho operacional às melhores condições climáticas e aos ramp-ups da Planta 2, em Carajás (Norte), e da nova planta de Conceição Itabiritos, no Sistema Sudeste.

Considerando todo o primeiro semestre e excluindo a produção atribuível à Samarco (joint venture da Vale com a BHP), a produção somou 150,511 milhões de toneladas, crescimento de 11,1 por cento frente os primeiros seis meses de 2013.

A Vale disse que esse resultado aumenta a confiança de a companhia em atingir a meta de produção de 312 milhões de toneladas no ano e o objetivo de 321 milhões de toneladas em vendas em 2014.

As ações da Vale operavam em alta nesta quinta-feira. As preferenciais subiam 0,8 por cento, às 10h49, enquanto o Ibovespa tinha alta de 0,3 por cento.

No Sistema Norte, onde está Carajás, a maior mina da Vale, a produção alcançou 29,3 milhões de toneladas no período, novo recorde para um segundo trimestre, ficando 33,7 por cento acima do segundo trimestre de 2013.

Já o Sistema Sudeste, que compreende os complexos de minas de Itabira, Mariana e Minas Centrais, produziu 26,5 milhões de toneladas no segundo trimestre, 2,5 por cento acima dos primeiros três meses do ano, mas uma pequena queda de 0,9 por cento ante o mesmo período de 2013.

O resultado do Sistema Sudeste, segundo a empresa, foi sustentado pelo bom desempenho operacional após as manutenções programadas realizadas no primeiro trimestre e por melhores condições climáticas.

O Sistema Sul, que compreende os complexos de minas de Paraopeba, Vargem Grande e Minas Itabirito, produziu 22,3 milhões de toneladas no segundo trimestre, a melhor performance trimestral desde o terceiro trimestre de 2008.

O Sistema Centro-Oeste, que compreende Urucum e Corumbá, produziu 1,4 milhão de toneladas no segundo trimestre do ano, ficando 6,7 por cento abaixo do produzido no mesmo período do ano passado, devido a uma decisão gerencial de diminuir a produção e reduzir estoques.

"Em 2014, a produção (no sistema Centro-Oeste) será ligeiramente menor do que a de 2013, sem qualquer impacto sobre as vendas", disse a Vale.

Por Gustavo Bonato e Marta Nogueira

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below