Ações europeias fecham em queda após dados fracos da Alemanha e resultado decepcionante da LVMH

sexta-feira, 25 de julho de 2014 14:25 BRT
 

Por Sudip Kar-Gupta

LONDRES (Reuters) - Números fracos sobre a economia alemã e o recuo das ações do grupo de bens de luxo LVMH fizeram as bolsas europeias fecharem em queda nesta sexta-feira.

As ações ampliaram as perdas após a Rússia informar que a Ucrânia mirava policiais russos em bombardeios através da fronteira do leste da Ucrânia, onde forças do governo enfrentam separatistas pró-Rússia.

A notícia reforçou as preocupações dos investidores com o conflito, uma semana após 298 pessoas morrerem quando um avião malaio foi abatido no território controlado por rebeldes no leste da Ucrânia.

O papel do maior grupo de bens de luxo do mundo teve o pior desempenho do índice FTSEurofirst 300, que reúne os principais papéis do continente. O índice caiu 0,71 por cento, a 1.372 pontos.

O índice alemão DAX foi pressionado após pesquisa do respeitado instituto Ifo mostrar que a confiança do empresariado alemão caiu à mínima em nove meses em julho.

O DAX foi pressionado após o índice de clima de negócios do centro de pesquisa Ifo, sediado em Munique, mostrar que a confiança de negócios na Alemanha caiu para o menor nível em nove meses em julho.

"Os números do Ifo foram negativos. Acredito que os mercados europeus vão recuar levemente", disse o chefe de trading do Central Markets Investment Management, Darren Courtney-Cook.

O índice francês CAC também recuou, pressionado pela queda de 6,8 por cento nos papéis da LVMH.   Continuação...