Wall St fica estável; operações corporativas compensam dados imobiliários

segunda-feira, 28 de julho de 2014 19:13 BRT
 

Por Caroline Valetkevitch

NOVA YORK (Reuters) - As ações nos Estados Unidos encerraram estáveis nesta segunda-feira, com as mais recentes operações corporativas compensando as perdas provocadas por números fracos sobre o mercado imobiliário e o setor de serviços.

O índice Dow Jones fechou em alta de 0,13 por cento, a 16.982 pontos. O índice Standard & Poor's 500 teve leve alta de 0,03 por cento, a 1.978 pontos, enquanto o Nasdaq encerrou com leve recuo de 0,1 por cento, a 4.444 pontos.

A Dollar Tree fez uma oferta para comprar a rede de descontos concorrente Family Dollar Stores por cerca de 8,5 bilhões de dólares. A transação, incluindo dívidas, avalia a Family Dollar em cerca de 9,2 bilhões de dólares. A ação da empresa subiu 24,9 por cento, para 75,74 dólares, no maior ganho percentual do S&P 500. Os papéis da Dollar Tree subiram 1,2 por cento.

A Zillow concordou em comprar a Trulia por 3,5 bilhões de dólares em ações, em um negócio que iria combinar os dois mais populares operadores de sites imobiliários dos Estados Unidos. Enquanto a ação da Trulia subiu 15,4 por cento, a 64,04 dólares, as da Zillow tiveram ganho de 0,9 por cento, a 160,32 dólares.

O otimismo dos investidores, no entanto, foi limitado pelos dados do dia, que sugerem que o ritmo em alguns setores da economia estava desacelerando.

O Índice de Vendas Pendentes de Moradias caiu inesperadamente 1,1 por cento em junho, disse a Associação Nacional de Corretores. O resultado ocorreu na sequência de uma queda de 8,1 por cento nas vendas de casas novas, em junho, o maior recuo em quase um ano. O índice imobiliário PHLX caiu 1,4 por cento.

Os investidores também voltaram o foco para a reunião do Fed, banco central dos Estados Unidos, na terça e quarta-feira, quanto autoridades da instituição poderão fazer mudanças sutis no comunicado sobre a sua política em relação a como e quando irão eventualmente aumentar as taxas de juros.

A atividade no setor de serviços do país manteve-se no seu maior patamar em 4 anos e meio em junho, embora as leituras para novos negócios e crescimento do emprego tenham enfraquecido, mostrou o Índice de Gerente de Compras (PMI, na sigla em inglês) nesta segunda-feira.