Lojas Renner diz que rumor de fusão com Marisa "não tem procedência"

segunda-feira, 4 de agosto de 2014 18:05 BRT
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A Lojas Renner disse nesta segunda-feira que os rumores sobre uma eventual fusão da companhia com a Marisa Lojas "não têm procedência", e que não há "qualquer espécie" de negociação entre as ambas.

A revista Veja deste final de semana publicou que as duas companhias estariam "conversando" e as ações de ambas encerraram com forte alta nesta segunda-feira em meio aos rumores de união.

A negativa da Lojas Renner ocorreu depois de pedido de esclarecimentos feito à empresa pela BM&FBovespa.

Por sua vez, a Marisa Lojas afirmou que "desconhece qualquer fato" que justifique a forte alta no preço de suas ações nesta segunda-feira.

As ações da Marisa Lojas encerraram em alta de 9,08 por cento nesta segunda-feira, cotadas a 16,21 reais. Já os papéis da Lojas Renner fecharam com valorização de 3,32 por cento, a 71,65 reais, enquanto o Ibovespa teve ganho de 1,28 por cento.

Analistas do Itaú BBA escreveram em nota a clientes que, "caso essa transação se concretize, seria realmente muito complementar", e uma fusão provavelmente beneficiaria ambas as companhias, "dependendo das condições da transação".

Os analistas também disseram que o maior ganho em uma eventual união com a Lojas Renner pode ser da Marisa Lojas, "com a Renner implementando suas melhores práticas e melhorando o negócio da Marisa, tanto operacionalmente e também na divisão de crédito ao consumo".

(Por Luciana Bruno)