Cade determina venda de ativos do Fleury no RJ por compra de Cardiolab

quinta-feira, 7 de agosto de 2014 08:00 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - A empresa de medicina diagnóstica Fleury firmou termo de compromisso com o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) em que se compromete a vender ativos no Rio de Janeiro em troca pela aprovação da aquisição da empresa de exames Cardiolab, informou a companhia em fato relevante na noite de quarta-feira.

O Cade aprovou a aquisição pelo Fleury da Labs Cardiolab Exames Complementares e das empresas Clínica Radiológica Menezes da Costa e Diagnolabor Exames Clínicos, esta dona da Clínica Luis Felipe Mattoso, que tinham sido adquiridas pela Cardiolab.

Com a aprovação da aquisição, o Fleury concordou em vender ativos no Rio de Janeiro que tiveram receita de cerca de 28 milhões de reais em 2013.

O termo de compromisso também impede o Fleury por três anos de participar de fusões ou incorporações e fazer acordos associativos com prestadoras de alguns tipos de serviços de apoio diagnóstico no Rio de Janeiro.

A aquisição pelo Fleury de 100 por cento da Cardiolab foi anunciada em julho de 2011, quando o valor total do negócio foi estimado em 1,19 bilhão de reais.

(Por Priscila Jordão)