Lucro da Petrobras cai 20% a R$5 bi no 2º tri e frustra expectativas

sexta-feira, 8 de agosto de 2014 22:31 BRT
 

Por Marta Nogueira e Roberto Samora

RIO DE JANEIRO/SÃO PAULO (Reuters) - A Petrobras teve lucro líquido de 4,959 bilhões de reais no segundo trimestre do ano, queda de 20 por cento na comparação com o mesmo período do ano anterior, com forte aumento das despesas e menores ganhos com desinvestimentos, informou a companhia nesta sexta-feira.

O resultado ficou muito abaixo das expectativas de analistas ouvidos pela Reuters, que estimavam elevação do lucro para 7,04 bilhões de reais. Em relação ao primeiro trimestre do ano, o lucro recuou 8 por cento. [nL2N0QD2TG]

O lucro antes dos juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) ajustado, somou 16,25 bilhões de reais entre abril e junho deste ano, abaixo da estimativa de 17,2 bilhões de reais e queda de 10,2 por cento frente ao mesmo período do ano passado.

As despesas totais (vendas, gerais, administrativas, custos exploratórios, em pesquisas, entre outros gastos operacionais) aumentaram em 2,8 bilhões de reais, ou 38 por cento, para 10,17 bilhões de reais.

Já a receita de vendas subiu 11,8 por cento em relação ao mesmo período do ano passado, para 82,3 bilhões de reais, com preços dos combustíveis maiores, enquanto o custo dos produtos e serviços vendidos subiu 15,2 por cento.

Dentre as despesas, os custos exploratórios para extração de petróleo e gás subiram 49 por cento, para 1,8 bilhão de reais, enquanto a linha "outras despesas operacionais líquidas" aumentou em 12 vezes, para 2,1 bilhões de reais.

A Petrobras teve perdas por baixas de poços comerciais ou subcomerciais e de ativos, por devolução de campos.

Os ganhos com desinvestimentos caíram em 3 bilhões de reais no segundo trimestre, na comparação com o mesmo período do ano anterior, para apenas 185 milhões de reais.   Continuação...