Índices fecham em alta com expectativa de menor tensão por Rússia

segunda-feira, 11 de agosto de 2014 18:36 BRT
 

(Reuters) - As bolsas dos Estados Unidos encerraram em alta pela segunda sessão seguida nesta segunda-feira, com expectativas de alívio nas tensões entre a Ucrânia e a Rússia ajudando o mercado.

Sete dos 10 setores do índice S&P 500 encerraram em alta, liderados por consumo de bens não essenciais.

Os investidores tem acompanhando com atenção notícias sobre a Ucrânia. O presidente russo, Vladimir Putin, disse que Moscou está enviando comboio de ajuda ao país, apesar da Otan afirmar que há "alta probabilidade" de a Rússia lançar uma invasão no leste da Ucrânia sob disfarce de operação humanitária.

"Por ora a situação na Ucrânia está bastante contida", disse Eric Teal, chefe de investimento na First Citizens Bancshares.

O índice Dow Jones teve alta de 0,1 por cento, a 16.569 pontos. O S&P 500 subiu 0,28 por cento, a 1.936 pontos e o Nasdaq avançou 0,7 por cento, a 4.401 pontos.

Cerca de 5 bilhões de ações trocaram de mãos nas bolsas de valores dos Estados Unidos, bem abaixo da média de 6,1 bilhões dos últimos cinco dia, segundo dados da BATS Global Markets.

A maior alta do dia na bolsa de Nova York foi a Chiquita Brands, que disparou 30,22 por cento. A maior queda foi Walter Investment, despencando 12,5 por cento.