Suzano reverte prejuízo e lucra R$97,2 mi no 2o tri

quinta-feira, 14 de agosto de 2014 21:28 BRT
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A Suzano Papel e Celulose teve lucro líquido de 97,2 milhões de reais no segundo trimestre, revertendo o prejuízo um ano antes, com uma melhora do resultado financeiro e crescimento das vendas no périodo.

Analistas estimavam, em média, lucro líquido de 250 milhões de reais, segundo consenso das estimativas obtidas pela Reuters.

Na mesma etapa do ano passado, a Suzano havia tido prejuízo de 248 milhões de reais.

De abril a junho, as vendas da Suzano subiram 34,5 por cento e totalizaram 1,015 milhão de toneladas, impulsionadas pelo salto de 59,3 por cento da comercialização de celulose de mercado. As vendas de papel tiveram leve alta de 0,4 por cento.

A produção total subiu 30,2 por cento, com alta de 47,8 por cento de celulose, a 755 mil toneladas, e de 2,3 por cento da fabricação de papel, de 330 mil toneladas.

O resultado financeiro da Suzano ficou negativo em 69 milhões de reais, ante negativo em 663 milhões no segundo trimestre de 2013.

As variações monetárias e cambiais tiveram impacto positivo em 164,9 milhões de reais no período, em função da variação negativa da taxa de câmbio de 2,7 por cento sobre a exposição de balanço entre a abertura e o fechamento do trimestre.

Isso terá impacto contábil positivo na marcação a mercado da parcela da dívida em moeda estrangeira, porém com efeito caixa somente nos vencimentos ou amortizações da dívida.

O Ebitda (sigla em inglês para lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) foi de 520,9 milhões de reais no período, frente a 515 milhões de reais um ano antes.   Continuação...