Lucro da MRV supera projeções soma R$134 mi no 2o tri

quinta-feira, 14 de agosto de 2014 21:28 BRT
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A MRV teve um lucro líquido acima das projeções de analistas, e os resultados atingiram seu ponto de inflexão com a redução da relevância de unidades problemáticas nos resultados e resiliência do segmento de baixa renda ao cenário econômico.

O lucro líquido ajustado da construtora e incorporadora mineira foi de 134 milhões de reais, ante 117 milhões um ano antes, informou a companhia nesta quinta-feira.

A média das estimativas de analistas obtidas pela Reuters apontava lucro nessa base de 98,7 milhões de reais no período.

O lucro líquido no trimestre foi de 401 milhões de reais, beneficiado pela revisão para cima do valor atribuído à subsidiária Log.

"Este trimestre é um ponto de inflexão. Tivemos aí quatro trimestres com margem bruta na ordem de 26 por cento e neste trimestre já aproximamos a 28 por cento", disse à Reuters um dos diretores-presidentes da companhia, Rafael Menin.

Segundo ele, os resultados de empreendimentos lançados antes de 2012 já têm relevância menor nos resultados. Estas unidades são consideradas uma safra problemática, uma vez que afetaram as margens da empresa no passado, com preços mais baixos e pressões de custos.

Segundo Menin, no terceiro e quarto trimestres, estas unidades ainda terão participação nos resultados, acrescentando, porém, que espera incremento da margem bruta.

Os lançamentos da MRV atingiram 1,05 bilhão de reais no segundo trimestre, alta de 65 por cento sobre o mesmo período do ano passado. Mas em comparação com o primeiro trimestre, eles caíram 10 por cento, já havia informado a empresa em julho.

As vendas contratadas no período foram de 1,52 bilhão de reais, alta de 10 por cento na comparação anual e leve queda de 1 por cento sobre o primeiro trimestre.   Continuação...