Expansão do setor privado da Alemanha em agosto indica forte 3º tri, aponta PMI

quinta-feira, 21 de agosto de 2014 09:26 BRT
 

BERLIM (Reuters) - O setor privado da Alemanha cresceu pelo décimo sexto mês consecutivo em agosto, mostrou a pesquisa Índice de Gerente de Compras (PMI, na sigla em inglês) nesta quinta-feira, sugerindo que a maior economia da Europa pode ter expansão robusta no terceiro trimestre após sofrer contração inesperada no segundo.

O PMI preliminar composto da Markit, que acompanha o crescimento nos setores de serviço e da indústria que correspondem a mais de dois terços da economia, caiu para 54,9 em agosto, ante 55,7. Apesar disso, a leitura permaneceu bem acima de 50, que separa crescimento da contração.

"Os resultados preliminares de agosto oferecem mais notícias encorajadoras para o setor privado da Alemanha, com a produção e novas encomendas crescendo de maneira forte", disse o economista da Markit, Oliver Kolodseike, acrescentando que isso indica que a Alemanha voltará a crescer no terceiro trimestre.

A economia alemã teve contração de 0,2 por cento entre abril e junho, sua primeira contração trimestral em mais de um ano, devido a números fracos de comércio, um motor tradicional de crescimento, e queda nos investimentos de construção.

O economista sênior da Markit, Rob Dobson, disse que as pesquisas PMI recente sugerem que a economia pode registrar expansão de 0,7 por cento no terceiro trimestre.

(Por Michelle Martin)