Operadora da cruzeiros Norwegian está perto de adquirir Prestige, dizem fontes

domingo, 31 de agosto de 2014 18:07 BRT
 

(Reuters) - A norueguesa Norwegian Cruise Line Holdings, terceira maior operadora de cruzeiros do mundo, está em negociação avançada para adquirir a rival Prestige Cruises International por cerca de 3 bilhões de dólares, disseram fontes próximas do assunto.

O negócio daria à Norwegian Cruise, companhia com valor de mercado de 6,8 bilhões de dólares, acesso aos navios de luxo da Prestige Cruises e a uma clientela rica em um momento em que tenta fazer frente à concorrência das gigantes Royal Caribbean Cruises e Carnival.

Um acordo pode ser anunciado ainda no início desta semana, disseram as fontes neste domingo, ressaltando, no entanto, que as negociações ainda podem fracassar.

O proprietário da Prestige Cruises, o fundo de private equity Apollo Global Management, também detém fatia de 20 por cento da Norwegian Cruise.

As fontes pediram para não ser identificadas porque as negociações são privadas.

Representantes da Norwegian Cruise e da Prestige Cruises não responderam a pedidos de comentários, enquanto um porta-voz do Apollo disse que não irá se pronunciar.

A Norwegian Cruise, com sede em Miami, opera 13 navios de cruzeiro em rotas na América do Norte, Mediterrâneo, Mar Báltico, América Central e Caribe. O faturamento foi de 2,57 bilhões de dólares 2013, alta de 13 por cento ante o ano anterior.

A Prestige Cruises, também de Miami, opera sob as marcas Oceania e Regent, com oito cruzeiros.

O setor de cruzeiros, que fatura 29 bilhões de dólares por ano, espera crescer nos próximos anos com a ascensão da classe média em mercados emergentes como China e Índia. Companhias correm para se posicionar como operadoras da escolha desses novos clientes.

(Por Soyoung Kim e Greg Roumeliotis em Nova York)