Barclays aposta em biometria para lutar contra fraude bancária

sexta-feira, 5 de setembro de 2014 07:23 BRT
 

LONDRES (Reuters) - O Barclays está lançando um scanner de dedo para clientes corporativos e vai adotar também uma ferramenta de reconhecimento de voz para milhões de clientes de varejo no próximo ano, enquanto intensifica o uso da tecnologia de biometria para combater a fraude bancária.

O banco britânico disse que fez uma parceria com a empresa de tecnologia japonesa Hitachi para desenvolver um leitor biométrico de dedo e que identifica os padrões de veias para acessar as contas, em vez de usar uma senha ou PIN.

A tecnologia de reconhecimento de veias é usada por alguns bancos no Japão e em outros lugares em caixas eletrônicos, mas o Barclays disse que é o primeiro banco no mundo a usá-la para transações significativas de contas.

"A biometria é o caminho a seguir no futuro. Nós não temos nenhuma dúvida sobre isso, estamos comprometidos com isso", disse Ashok Vaswani, presidente-executivo do negócio de banco corporativo e pessoal do Barclays.

Vaswani disse que o Barclays estava melhorando a tecnologia e segurança, mas que os criminosos também estavam ficando mais sofisticados.

Empresas privadas da Grã-Bretanha perderam 21 bilhões de libras (34,5 bilhões de dólares) com fraudes em 2012 e as empresas financeiras sofreram com a perda de 5,4 bilhões de libras deste total, de acordo com estimativas da National Fraud Authority.

(Por Steve Slater e Matt Scuffham)