Dólar sobe mais de 1% e vai a R$2,26 com ansiedade eleitoral

segunda-feira, 8 de setembro de 2014 17:05 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - O dólar fechou esta segunda-feira com a maior alta em mais de um mês, acima de 2,26 reais, impulsionado por incertezas em relação às eleições presidenciais e pela decisão do Banco Central de reduzir o ritmo de rolagem dos swaps cambiais que vencem no início de outubro.

O dólar subiu 1,16 por cento, para 2,2655 reais na venda, após alcançar 2,2750 reais na máxima da sessão. Foi a maior alta percentual da divisa desde 30 de julho, quando subiu 1,21 por cento.

Segundo dados da BM&F, o giro financeiro ficou em torno de 850 milhões de dólares.

(Por Bruno Federowski)