Costa não esteve envolvido na compra de unidade da Petrobras nos EUA, diz Cerveró

quarta-feira, 10 de setembro de 2014 17:10 BRT
 

BRASÍLIA (Reuters) - O ex-diretor da área internacional da Petrobras (PETR4.SA: Cotações) Nestor Cerveró disse desconhecer um suposto esquema de desvio de dinheiro envolvendo a compra da refinaria de Pasadena, nos Estados Unidos.

Em sessão da CPI mista que investiga supostas irregularidades na compra da refinaria, Cerveró afirmou nesta quarta-feira que o ex-diretor da estatal Paulo Roberto Costa não estava envolvido diretamente nas negociações de aquisição da refinaria.

Segundo ele, Costa, preso pela Polícia Federal na operação Lava Jato, autorizou a compra apenas como diretor colegiado, mas que não participou das negociações que levaram à aquisição da refinaria.

(Reportagem de Nestor Rabello)