Ações europeias têm leve recuo com foco no Fed e referendo na Escócia

sexta-feira, 12 de setembro de 2014 14:25 BRT
 

Por Atul Prakash

LONDRES (Reuters) - As ações europeias fecharam em leve queda nesta sexta-feira, com investidores evitando fazer grandes apostas antes do referendo na Escócia e da reunião de política monetária do Federal Reserve, banco central dos Estados Unidos, na semana que vem.

O índice FTSEurofirst 300, que reúne os principais papéis do continente, caiu 0,07 por cento, a 1.382 pontos. O índice alemão DAX teve desempenho pior do que seus pares, após os EUA e a União Europeia aumentarem as sanções contra a Rússia devido à intervenção na Ucrânia.

Analistas disseram que investidores também adotavam cautela antes da reunião do Fed na semana que vem, esperando novas pistas sobre quando ocorrerá a primeira alta dos juros nos EUA em mais de oito anos.

"No curto prazo, há potencial para um recuo, já que investidores, que se acostumaram com dinheiro barato e palavras reconfortantes das autoridades de bancos centrais, podem sofrer alguns efeitos colaterais desconfortáveis", disse o diretor de pesquisa global do Barclays, Henk Potts.

"Porém, juros mais altos também vão sinalizar que o ambiente de negócios está melhorando, que o cenário econômico está ficando melhor e que a lucratividade das empresas está crescendo. No longo prazo, esperamos que as ações subam".

Investidores também estavam agitados após pesquisas recentes mostrarem que a votação sobre a independência da Escócia na semana que vem estão quase empatadas.

A pesquisa ICM para o jornal Guardian nesta sexta-feira mostrou 51 por cento dos votos a favor da união contra 49 por cento de votos a favor da independência, excluindo aqueles que se declararam indecisos.

Em LONDRES, o índice Financial Times subiu 0,11 por cento, a 6.806 pontos.   Continuação...