Próxima rodada de petróleo será no 1º semestre de 2015, diz MME

segunda-feira, 15 de setembro de 2014 13:49 BRT
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O governo brasileiro realizará a décima terceira rodada de licitações de áreas exploratórias de petróleo no primeiro semestre de 2015, disse nesta segunda-feira uma autoridade envolvida no processo de definição das áreas.

"Teremos no primeiro semestre do próximo ano nossa 13ª rodada de licitações", afirmou o secretário de Petróleo e Gás do Ministério de Minas e Energia, Marco Antonio Martins Almeida, ressaltando que a presidente Dilma Rousseff o autorizou a repassar a informação.

Ele não especificou uma data.

A previsão de nova rodada para o primeiro semestre do próximo ano, sob regime de concessão, já havia sido feita por outras autoridades, como um diretor da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) em julho.

A rodada, no entanto, só acontece após a definição de áreas pelo Conselho Nacional de Política Energética (CNPE), que é presidido pelo Ministério de Minas e Energia.

Falando na abertura da conferência Rio Oil & Gas, no Rio de Janeiro, Martins Almeida limitou-se a dizer que parte das áreas já estava sendo analisada pelo Ibama, principal órgão ambiental do país.

A autoridade disse que o governo ainda não tem um número fechado de áreas que serão leiloadas, mas comentou que a magnitude do certame deve ser semelhante à da décima primeira rodada, que arrecadou um volume recorde de recursos com a venda de 140 áreas em 11 bacias sedimentares, após quase cinco anos sem a realização de licitações.

Já o segundo leilão do pré-sal deve acontecer em 2016, mas ainda não há uma data, disse ele, ao ser questionado sobre o assunto.

(Por Marta Nogueira e Jeb Blount)

 
Plataforma de petróleo Cidade Angra dos Reis, na costa do Rio de Janeiro. 16/02/2011 REUTERS/Sergio Moraes