Secretário-geral da Opep projeta meta menor de produção em 2015; petróleo sobe

terça-feira, 16 de setembro de 2014 12:49 BRT
 

VIENA (Reuters) - O secretário-geral da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep), Abdallah El-Badri, disse nesta terça-feira que espera que o grupo reduza sua meta de produção em uma reunião prevista para o final de novembro.

Badri foi questionado por repórteres se a atual meta de produção da Opep, de 30 milhões de barris de petróleo por dia, seria apropriada para o próximo ano.

"Não, eu não acho", disse ele. "Eu acredito que a nossa produção será de talvez 29,5 em 2015, e não 30 milhões de barris por dia."

O executivo disse que a produção da Opep geralmente tem pequenas flutuações perto da meta, mas foi questionado se ele referiu-se a uma possível mudança na meta.

"Eu acho que nossa meta será menor, talvez em 500 mil", disse Badri.

Ele disse aos repórteres que espera que os preços de petróleo recuperem recentes perdas.

"Todo mundo sabe que o preço está caindo agora pelos últimos dois meses, mas eu não acredito que a tendência irá continuar. Nós estamos prevendo que o preço irá subir até o fim do ano", disse Badri.

O preço do petróleo Brent caiu para uma mínima de 26 meses na segunda-feira, para menos de 97 dólares o barril.

Por volta das 11h30 (horário de Brasília), o contrato novembro tinha alta de mais de 1 por cento, para 98,97 dólares.

(Por Shadia Nasralla e Michael Shields)

 
Secretário-geral da Opep, Abdullah al-Badri, e o ministro da Energia russo. Alexander Novak, falam com jornalistas após reunião em Viena. 16/09/2014. REUTERS/Leonhard Foeger