Bayer atinge máxima recorde com decisão de listar negócio de plásticos

quinta-feira, 18 de setembro de 2014 11:32 BRT
 

FRANKFURT (Reuters) - A alemã Bayer planeja listar no mercado de ações seu negócio de plásticos, menos lucrativo, em operação que poderá avaliar a divisão em cerca de 10 bilhões de euros (13 bilhões de dólares) conforme direciona seu foco para as áreas de saúde, drogas veterinárias e defensivos agrícolas.

Notícias da planejada cisão da unidade MaterialScience, na qual as margens de lucro são menos da metade da média da companhia, levaram as ações da Bayer para máximas recordes. Às 11h24 (horário de Brasília), as ações da companhia subiam 5,98 por cento.

A investida segue uma tendência mais ampla da indústria da saúde de alienação de negócios mais fracos e reforço em pontos fortes.

"Desta maneira, a Bayer vai se posicionar como uma companhia líder mundial nas áreas de saúde humana, animal e vegetal", disse a companhia.

O Conselho de Supervisão da Bayer aprovou a decisão em uma reunião nesta quinta-feira, e a empresa disse que listará a MaterialScience como uma companhia separada dentro de 12 a 18 meses.

Sinalizando seu foco maior em saúde, a Bayer também anunciou que vai acelerar o investimento em pesquisa e reiterou que cinco de suas principais drogas têm o potencial de gerar vendas anuais combinadas de 7,5 bilhões de euros.

Analistas da Equinet avaliaram a unidade MaterialScience em quase 10 bilhões de euros, enquanto a corretora DZ Bank disse que a divisão valia cerca de 11 bilhões de euros incluindo dívidas.

(Georgina Prodhan e Ludwig Burger)