Anatel rejeita principais pedidos sobre mudanças no edital de leilão de 4G

quinta-feira, 18 de setembro de 2014 16:52 BRT
 

BRASÍLIA (Reuters) - O Conselho Diretor da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) rejeitou nesta quinta-feira os principais pedidos de mudanças no edital do leilão da faixa de 700 MHz para serviço de Internet móvel de quarta geração (4G) apresentados por operadoras de telefonia, associações setoriais e instituições financeiras.

A agência acatou apenas sugestões mais técnicas de esclarecimentos e ajustes que, segundo os conselheiros da agência, não alteram a data do leilão, que está mantido para 30 de setembro.

Entre os pedidos de mudanças no edital apresentadas pelas operadoras de telefonia móvel e recusados pela agência estão itens como a fixação de valores máximos a serem gastos pelos vencedores na limpeza da faixa de 700 MHz, hoje ocupada por emissoras de rádio e TV analógica.

O edital estima que esses gastos serão de 3,6 bilhões de reais, mas não estabelece um teto para os desembolsos.

(Por Leonardo Goy)