Millennium BCP falha em teste do BCE, mas diz que não precisa levantar capital

domingo, 26 de outubro de 2014 15:12 BRST
 

Por Andrei Khalip e Sergio Goncalves

LISBOA (Reuters) - Maior banco de Portugal listado, o Millennium bcp não passou no exame de saúde financeira europeu, que avaliou as suas contas no fim de 2013, mas disse que já tomou medidas, em 2014, e não precisa arrecadar mais capital ou vender bens estratégicos. 

O Banco Central Europeu divulgou neste domingo os resultados de testes de estresse com diversos bancos da região.

Dois outros bancos de Portugal, cuja ajuda financeira internacional terminou em maio depois de uma séria crise de crédito e viu um dos seus principais credores ser resgatado pelo estado, em agosto, passaram nos testes do Banco Central Europeu, segundo resultado publicado neste domingo. 

O Millennium BCP disse em um comunicado que "medidas já decididas", durante este ano, mas ainda não avaliadas pelo teste de saúde financeira, cobrem completamente o déficit de 1,14 bilhão de euros e que as taxas de capital melhoraram significativamente em setembro. 

"Não há planos para acréscimo de capital ou para uma venda forçada de bens estratégicos", disse. 

Alguns analistas disseram que o banco poderia ter que vender a unidade polonesa Millennium Poland se o resultado fosse ruim, mas um porta-voz do BCP reiterou que se tratava de um bem estratégico e que não seria vendido.