Lucro da Via Varejo sobe 17,4% no 3o tri, a R$216 mi

quarta-feira, 29 de outubro de 2014 21:25 BRST
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A empresa de móveis e eletroeletrônicos Via Varejo teve lucro líquido de 216 milhões de reais no terceiro trimestre, alta de 17,4 por cento na comparação anual.

O Grupo Pão de Açúcar, controlador da companhia, já havia informado no início de outubro que a receita líquida da Via Varejo subiu apenas 0,7 por cento no período, a 5,3 bilhões de reais, pressionada por um julho fraco em função da Copa do Mundo e pela desaceleração do consumo nas semanas subsquentes ao torneio.

As vendas em mesmas lojas da Via Varejo ficaram praticamente estáveis sobre um ano antes, com aumento de 0,2 por cento.

No acumulado do ano, o lucro subiu 43,5 por cento, a 582 milhões de reais.

Segundo a Via Varejo, o crescimento "reflete o impacto da implementação de uma série de iniciativas que compõem o programa de redução de custos e despesas da companhia, que tem gerado melhorias de eficiência nas operações logísticas e em lojas, além da racionalização dos custos corporativos".

Nominalmente, as despesas aumentaram 2,3 por cento no trimestre, mas recuaram 0,4 por cento no acumulado do ano.

No período de julho a setembro, o resultado financeiro ficou negativo em 147 milhões de reais, ante negativo em 144 milhões um ano antes. As receitas financeiras subiram 60,9 por cento, a 99 milhões de reais.

O Ebitda (sigla em inglês para lucro antes dos juros, impostos, depreciação e amortização) foi de 520 milhões de reais entre julho e setembro, alta de 14,2 por cento sobre o mesmo período de 2013.

No terceiro trimestre, a Via Varejo inaugurou 15 lojas, sendo 11 Casas Bahia e quatro Ponto Frio. Por região, foram abertas uma loja no Sul, nove no Sudeste, duas no Nordeste e três no Centro-Oeste.

(Por Juliana Schincariol; Edição de Luciana Bruno)