Lucro da VW salta com vendas recordes de Audi e Porsche

quinta-feira, 30 de outubro de 2014 09:06 BRST
 

BERLIM (Reuters) - A Volkswagen teve lucro operacional maior que o esperado no terceiro trimestre, impulsionado por compras de modelos das marcas de luxo Audi e Porsche na Europa e na China.

O lucro do maior grupo automotivo europeu saltou 16 por cento, a 3,23 bilhões de euros (4,07 bilhões de dólares), disse a VW nesta quinta-feira, superando a projeção mais otimista de 3,09 bilhões de euros em pesquisa da Reuters com analistas.

Sustentada por uma recuperação em importantes mercados europeus, o grupo alemão manteve sua previsão para 2014, de margem de lucro operacional entre 5,5 por cento e 6,5 por cento, após ter alcançado 5,9 por cento no ano anterior.

A companhia também reiterou a projeção de receita, que prevê um número 3 por cento acima ou abaixo da receita recorde do ano passado, de 197 bilhões de euros. As receitas trimestrais cresceram 4,1 por cento para 48,9 bilhões de euros, disse a VW.

As vendas de veículos do grupo da VW no trimestre cresceram 4,1 por cento, para um recorde de 2,43 milhões de automóveis, com o crescimento do volume na China e na Europa compensando quedas nas Américas e mantendo a VW a caminho de atingir a meta de vender 10 milhões de carros em 2014.

As vendas trimestrais de veículos Audi e Porsche, que respondem por cerca de dois terços do lucro da VW antes de juros e impostos (Ebit), cresceram 7,2 por cento e 25 por cento, respectivamente, para 429.250 e 47.800 carros.

No entanto, o lucro operacional caiu na marca principal da VW, maior unidade da companhia em vendas e receita, conforme a divisão de mercado de populares enfrenta vendas estagnadas, altos custos fixos e gastos em tecnologia, com a plataforma de produção modular da Volkswagen, chamada MQB.

(Por Andreas Cremer)