BC do Japão corta previsão de PIB e reduz projeção para preços

sexta-feira, 31 de outubro de 2014 07:47 BRST
 

TÓQUIO (Reuters) - O banco central japonês cortou pela metade sua previsão econômica para o ano fiscal atual nesta sexta-feira, depois que a demanda enfraqueceu na esteira da elevação do imposto sobre vendas em abril.

O banco central também reduziu levemente a projeção para o índice de preços ao consumidor para os anos fiscais de 2014 e 2015, mais ainda espera atingir sua meta de inflação dentro do cronograma de dois anos que definiu originalmente.

O banco central disse que agora espera que o Produto Interno Bruto (PIB) real cresça 0,5 por cento no ano fiscal atual até março de 2015, ante crescimento de 1,0 por cento que havia projetado em julho.

A instituição projeta agora que o núcleo da inflação ao consumidor alcance 1,2 por cento no ano fiscal atual, seguido de 1,7 por cento no ano fiscal posterior e 2,1 por cento no ano fiscal 2016/17.

Nas previsões anteriores feitas em julho, o banco central japonês havia projetado que o núcleo de inflação ao consumidor ficaria em 1,3 por cento no ano fiscal atual, 1,9 por cento no ano fiscal subsequente e 2,1 por cento no fiscal de 2016/17.

O banco central do Japão revisou suas projeções de longo prazo sobre economia e preços em seu relatório semianual divulgado nesta sexta-feira, que serve como base para decisões sobre política monetária.

(Por Leika Kihara e Stanley White)