Situação de hidrelétricas é de alerta, mas chuvas normais garantem 2015, diz Aneel

sexta-feira, 31 de outubro de 2014 19:16 BRST
 

Por Leonardo Goy

BRASÍLIA (Reuters) - A situação atual dos principais reservatórios de hidrelétricas do Brasil é de alerta, mas se as chuvas do verão ocorrerem normalmente, o sistema elétrico nacional conseguirá garantir o abastecimento em 2015, disse à Reuters o diretor-geral da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), Romeu Rufino.

Nesta sexta-feira, o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) previu que o nível dos reservatórios das hidrelétricas do Sudeste deve cair a cerca de 15,5 por cento no fim de novembro.

"É uma situação de alerta. Tem que monitorar, como já se faz", disse.

Segundo Rufino, a não ser que haja um período de chuva excepcionalmente bom, dificilmente em uma única temporada de chuvas os reservatórios voltarão a ficar cheios.

"Mas se tivermos um regime (de chuvas) dentro da normalidade, que é o que os estudos apontam, aí passamos bem (...) dá para administrar bem a situação", disse.

No relatório desta sexta-feira, o ONS previu que as chuvas no Sudeste - onde estão alguns dos principais reservatórios - deverão ficar a 74 por cento da média histórica em novembro.

O diretor disse ainda que em no máximo duas semanas a Aneel vai colocar em audiência pública proposta de alocar para as distribuidoras, em cotas, a energia das usinas hidrelétricas cujas concessões vencem no ano que vem.

Segundo Rufino, a definição sobre a divisão dessa energia ocorrerá ainda em novembro, antes do leilão de energia existente A-1 previsto para 5 de dezembro.   Continuação...