Rnest recebe licença de operação; é improvável entrega de combustível neste ano

segunda-feira, 3 de novembro de 2014 16:45 BRST
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A Refinaria do Nordeste (Rnest), da Petrobras, recebeu a licença ambiental para entrar em operação, afirmou nesta segunda-feira à Reuters o departamento de imprensa da agência estadual de meio ambiente de Pernambuco.

Mas a Petrobras provavelmente não entregará combustível da Rnest antes do início do próximo ano, afirmou uma fonte do mercado, na condição de anonimato.

Isso porque a estatal não notificou às distribuidoras de combustíveis oficialmente, até agora, de que a refinaria irá produzir combustíveis, segundo a fonte, que acrescentou que as distribuidoras têm até o terceiro dia útil de cada mês para registrar pedidos para o mês seguinte.

Para a fonte, os prazos estão muito apertados para que seja possível registrar pedidos para dezembro.

"Está muito em cima (da hora). Normalmente, ela (Petrobras) faria este comunicado um pouco antes", afirmou.

Não foi possível contatar a Petrobras sobre o assunto imediatamente.

(Por Marta Nogueira e Jeb Blount)