Minério de ferro cai para mínima de 5 anos com excedente de oferta

terça-feira, 4 de novembro de 2014 11:21 BRST
 

CINGAPURA (Reuters) - Os preços do minério de ferro caíram ao menor nível desde setembro de 2009 nesta terça-feira e davam sinais de recuar ainda mais, com um excedente de oferta pressionando as cotações da commodity, que já acumula perdas de 42 por cento neste ano.

O iminente inverno na China, que em anos anteriores elevaram a demanda das siderúrgicas chinesas por minério importado, provavelmente não dará um impulso aos preços, já que muitas minas de minério de ferro do país já estão fechadas, disseram operadores.

"Muitas usinas já mudaram para o uso de mais minério importado devido à queda nos preços neste ano, portanto eu não entendo que aquela demanda adicional durante o inverno será muito maior", disse um operador de minério de ferro de Xangai.

A queda nos preços tem forçado muitas minas de alto custo na China, maior importador e consumidor da commodity, a interromper as atividades, em meio a um aumento de produção no Brasil e na Austrália.

O minério de ferro com entrega imediata na China caiu 0,9 por cento nesta terça-feira, a 77,10 dólares por tonelada, segundo dados compilados pelo Steel Index.

Os futuros do minério também caíram, com o contrato mais negociado na bolsa de Dalian, vencimento maio, encerrando a sessão com queda de 1,3 por cento, a 520 iuanes (85 dólares) por tonelada.

"A demanda permanece fraca na China, com compradores em compasso de espera, já que muitas siderúrgicas foram forçadas a interromper a produção antes de um encontro da Apec", disseram analistas do banco ANZ, em nota.

Dezenas de usinas em áreas industriais ao redor de Pequim estão fechadas desde 1 de novembro, numa tentativa de reduzir a poluição do ar, em antecipação à um encontro de líderes mundiais, incluindo o presidente Barack Obama, marcado para 5 a 11 de novembro, na reunião do bloco de Cooperação Econômica Ásia-Pacífico.

A China impôs interrupções semelhantes durante os Jogos Olímpicos de 2008.

(Por Manolo Serapio Jr)